SONORA (MS),

Câmara aprovam mais três projetos de Leis de autoria do Executivo




Por unanimidade a Câmara de vereadores de Sonora aprovaram na sessão solene desta segunda-feira 6), mais três projetos de leis de autoria do Executivo Municipal. O PL nº 221 autoriza o poder Executivo conceder bolsa de estudo aos servidores municipais ocupantes de cargo de agente comunitário de saúde e agente de combate a endemias.

O PL nº 234, Institui o Programa Protege Sonora, estabelecendo critérios para atendimento social. O PL nº 51 dispõe a alteração do Anexo I tabela 5 do Grupo Ocupacional Médico da LC 050/2010, Anexo I da LC 57/2011 e Anexo III da LC 107/2018 e dá outras providências.

De acordo com o prefeito Enelto, que participou da sessão junto com os agentes de saúde, os projetos vão de encontro com a expectativa e a necessidade da população principalmente dos agentes de saúde que esperava há muito tempo por essa realização.
 A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e pessoas sentadas
“A Câmera estão de parabéns sabemos da dificuldade que enfrentamos no combate do Mosquito, e vocês agente de saúde são os primeiros a chegarem nas casas para saber da situação, por isso esse projeto vai ajudar na qualificação do trabalho de cada um", disse o prefeito.

Também foram encaminhado indicações para o Executivo. A vereadora Daniela Viana solicitou que as creches continuam abertas no recesso de final de ano.  Deuzimar pediu apoio financeiro ao Executivo para a realização da 30ª Festa da Padroeira de Sonora.

O vereador Fabio Sinuca, parabenizou o prefeito “Quero parabenizar a iniciativa do prefeito em valorizar os agentes,  isso traz benefício para população, estou vereador, mas sempre serei servidor público e por isso agradeço", concluiu Fabio Sinuca. O presidente Raphael agradeceu o empenho da Câmara. 
A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, barba e área interna
“Agradeço as aprovações dos projetos. Estamos fazendo nossa parte aprovando projetos que evidencia a importância da capacitação dos agentes que vão melhorar no atendimento a população e no combate a dengue. Pedimos que a população também faça a sua parte, cuidem de seus quintais, só assim vamos acabar com essa doença que tanto nos ameaça”, finalizou o presidente Raphael de Lemos.