ANÚNCIOS

DATA

SONORA (MS),

Governo publica tabelas com reajustes para professores de MS



O Governo de Mato Grosso do Sul publicou nesta quarta-feira (24) o decreto que reajusta o piso salarial dos professores, que passa a ser o maior do país. O decreto, assinado pelo governador Reinaldo Azambuja (PSDB), tem tabelas em anexo com reajuste para cada categoria, inclusas as gratificações para diretores.
Ao todo, são 9.112 professores efetivos em Mato Grosso do Sul, que já vão receber o reajuste em março, na folha de pagamento relativa ao mês de fevereiro. Os contratos também serão beneficiados pelo acordo, mas só recebem em abril, visto que as aulas da escolas estaduais voltam apenas no dia 29 deste mês.
Com a correção, o professor de nível médio vai receber R$ 3.151,68 por 40 horas semanais e o de nível superior, terá remuneração inicial de R$ 4.727,67.
Em maio de 2015 a categoria decidiu entrar em greve para garantir a integralização do piso. Depois que o governo o parcelamento do reajuste até 2021, repassando 4,32% em outubro do mesmo ano. Os professores não aceitaram a proposta e exigiram 10,98% de reajuste e a equiparação do piso até 2018.
Em reposta, o governo estadual afirmou que os servidores já receberam o reajuste, uma vez o ex-govenrador do Estado, André Puccinelli antecipou a data-base para dezembro de 2014. O TJMS (Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso do Sul), concordou com o argumento e entendeu que as reivindicações dos professores estavam sendo feitas fora do prazo.
Diante disse, o Judiciário convocou uma reunião de conciliação e apresentou sugestão de integralização até 2021, com repasse de 4,37% em outubro de cada ano. A categoria acatou a decisão.O decreto pode ser conferido na íntegra a partir da página 2 do Diário Oficial, disponível aqui